A delegada Allyne Lima, titular do 16º Distrito Integrado de Polícia (DIP), pediu à justiça a prisão preventiva de Samara Pinheiro, conhecida como Samara Pavanelly, uma das “gêmeas ruivas” envolvida na briga que causou a mordedura no lábio inferior da funcionária pública Bianca Figueiredo.

De acordo com informações, Samara, que já confessou ser a responsável pela lesão alegando legítima defesa, poderá ser presa até amanhã.

Em breve mais informações.

Links relacionados

Jovem que perdeu parte dos lábios durante briga, agradece o apoio através de vídeo

Advogado da funcionária pública Bianca Figueiredo, que teve lábio inferior arrancado por Samara Pinheiro, releva detalhes sobre agressão

Camila Pavanelly esclarece sua versão dos fatos e declara que a autora da mordida foi irmã gêmea. Vídeo mostra a fúria da ruiva durante briga

Vítima que teve lábios arrancado por ex-amiga permanece hospitalizada. Imagem forte