Observação: após a divulgação desse vídeo, chegou a informação que o mesmo se refere a rebelião ocorrida em 2017.

Um vídeo enviado para a redação do Portal A Repórter mostra o desespero dos detentos tentando salvar suas vidas durante uma matança que aconteceu na manhã deste domingo (26), no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), situado no km 8 da BR-174, em Manaus.

O motim foi confirmado pela Secretaria de Administração Penitenciária (Seap).

Dez foi o número de vítimas após matança que teria iniciado com o desentendimento de dois chefes de facções rivais. A unidade prisional é a mesma onde houve rebelião que resultou na morte de 56 pessoas em 2017, sendo considerada a maior rebelião do Estado, com 17hs de duração.

A situação no Compaj já foi controlada e o Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para realizar a remoção dos corpos.

Segue a declaração do portal A Repórter sobre o equívoco no link a seguir:

Ressalva: Vídeo divulgado entre redes sociais e veículos de comunicação trata-se da rebelião ocorrida em 2017