Um outro vídeo da ação social feita por alunos da Universidade Estadual do Amazonas (UEA) choca mais ainda as famílias tradicionais da sociedade manauara. Para os conservadores, trata-se de uma perda de valores da atual geração.

A ação social foi realizada na última sexta-feira (26), e as imagens viralizaram as redes sociais. As “boas vindas” aos calouros (grande parte menor de 18 anos) foi regada de bebida alcoólica, apologia ao sexo, beijos lésbicos e os famosos funks proibidões.

Após vazarem nos noticiários, os alunos se manifestaram chegando a ameaçar processar veículos de comunicação. Em contrapartida, comentários como “o mundo está perdido,” esse é o futuro do Brasil,” “se fosse minha filha ia dormir de couro quente,” mostraram que a atual geração conhecida como a “geração lacração” ainda assusta as famílias conservadoras que defendem a ideia que universidade é lugar para estudar.

Um antigo aluno de odontologia da UEA que não quis se identificar explica como a ação conhecida como “trote” funcionava na época dele:

Veja a segunda parte do vídeo que chocou ainda mais os internautas: