As Pessoas com Deficiência Permanente (PcD), que integram os grupos de prioridade da campanha de vacinação contra a Covid-19, começam a ser imunizadas pela Prefeitura de Manaus neste sábado, 15/5. Inicialmente, serão atendidos os que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC), conforme previsto pelo Plano Operacional de Vacinação, sendo que os de 40 a 59 anos devem procurar os postos no sábado e os de 18 a 39 anos, na próxima segunda-feira, 17/5.

Aqueles que não recebem o benefício serão vacinados nos dias seguintes, obedecendo o mesmo escalonamento de faixa etária. Na terça-feira, 18/5, serão atendidas as pessoas de 40 a 59 anos e, na quarta-feira, 19/5, as de 18 a 39 anos.

De acordo com a titular da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Shádia Fraxe, as pessoas com deficiência permanente, incluindo as deficiências física, auditiva, visual, intelectual (inclusive autismo), mental e múltiplas, além de ostomia e nanismo, somam aproximadamente 77 mil pessoas em Manaus. Destes, os que estão na faixa etária de 18 a 59 anos e que são beneficiários do BPC representam uma população de 13,3 mil.

O atendimento deste grupo será feito nos sete pontos estratégicos de vacinação da Prefeitura de Manaus, distribuídos em todas as regiões geográficas da cidade. Os locais funcionam das 9h às 16h, em sistema de ponto fixo (para os que chegam a pé) e drive-thru, para os que serão vacinados sem sair do carro.

A secretária orienta que, se possível, seja feito o cadastro no Imuniza Manaus, aberto para as pessoas com deficiência permanente desde o dia 5 de maio. Para isso, quem pertence ao grupo PCD deve acessar o http://imuniza.manaus.am.gov.br/, escolher o  botão “Cadastro de Cidadão”, depois selecionar a categoria “Pessoas com Deficiência”  e informar os dados solicitados, como documentos de identificação, endereço, contatos, e o tipo de deficiência do qual é portador.

Livre demanda

Shádia destaca, no entanto, que, por conta das dificuldades específicas deste público, todos serão atendidos nos postos de vacinação, ainda que não tenham feito o cadastro ou não tenham sido agendados pelo sistema. “A gestão do prefeito David Almeida não quer que haja nenhum obstáculo no acesso à vacina. Nossa principal recomendação é que as pessoas se dirijam ao ponto de vacinação mais próximo, conforme o calendário de atendimento divulgado pela Semsa”, ressalta.

Para receber a vacina, será necessário apresentar documento de identificação original com foto, CPF e algum documento oficial de comprovação da deficiência permanente. Para os beneficiários do BPC será obrigatória a apresentação de comprovante de recebimento do benefício. Os demais devem levar laudo médico ou um dos seguintes comprovantes: Passe Livre (municipal, interestadual, intermunicipal), Cartão de Estacionamento ou Carteira da Pessoa com Deficiência emitida pela Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), pela Associação de Deficientes Físicos do Amazonas (Adefa) ou por outros órgãos públicos ou privados.

O plano de vacinação para as Pessoas com Deficiência Permanente foi elaborado com o apoio do Ministério Público do Amazonas (MP-AM) e do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoas com Deficiência (CMDPD), que orientaram a Semsa sobre a melhor classificação das deficiências permanentes para o cadastramento, documentos obrigatórios e necessidades inerentes ao grupo, a fim de garantir pleno acesso à vacinação.

Comorbidades e gestantes

Neste sábado, 15/5, a Prefeitura de Manaus dá continuidade à vacinação das pessoas com comorbidade, de 18 a 59 anos, realizando a repescagem dos que ainda não se vacinaram. A campanha municipal também segue com a vacinação de primeira dose de gestantes e puérperas (mulheres com até 45 dias de pós-parto) com comorbidades, que está sendo feita exclusivamente no Centro de Convivência da Família Padre Pedro Vignola. Além disso, a Prefeitura está realizando a aplicação de segunda dose para os grupos anteriores: trabalhadores da saúde, idosos acima de 60 anos e pessoas com comorbidades.

De acordo com o vacinômetro municipal (https://vacinometro.manaus.am.gov.br/view/index.php), Manaus aplicou até o a manhã desta sexta-feira, 14, o total de 553 mil doses de vacina, das quais 334 mil primeiras doses e 218 mil segundas doses.

Texto – Andréa Arruda/Semsa
Foto – Valdo Leão/Semcom