A personal trainer Andressa Serantoni, 28, foi morta a facadas após uma discussão com um casal no interior de São Paulo, levou mais de 30 golpes, de acordo com informações obtidas pela TV Tem, afiliada da Rede Globo.

O caso aconteceu na quarta-feira (12) em São José do Rio Preto. O casal apontado como autor do crime foi preso em flagrante e confessou que agrediu a personal trainer.

De acordo com a Polícia Militar, Serantoni foi até a casa da mãe, no bairro Anchieta, alimentar o cachorro da família. Ela teria começado uma discussão com uma vizinha após ter flagrado a mulher filmando-a com um celular. A personal trainer não teria gostado da atitude e foi tirar satisfação com a vizinha.

O marido da vizinha teria ouvido a discussão e ido até a calçada, armado com uma faca. Moradores relataram que a mulher teria segurado a personal trainer para que o marido pudesse golpeá-la.

Policiais que faziam ronda pelo bairro foram avisados por moradores sobre o crime e foram até o local. Ao chegarem em frente à casa dos pais de Serantoni, encontraram a jovem caída sem vida.

Os policiais foram até a casa dos suspeitos e arrombaram a porta. A faca que teria sido usada no crime foi encontrada na garagem.

Os dois foram presos em flagrante por homicídio qualificado. O homem já tinha uma passagem policial por tentativa de homicídio que ocorreu em 2015.

Os quatro filhos do casal, todos menores de idade, foram encaminhados ao Conselho Tutelar.

A Personal teria ido levar comida para os cachorros da mãe.

Atenção! Imagens fortes: 

.

.

.