Ainda nesta quinta, a ministra comparecerá à uma reunião na sede do governo, e em um evento organizado pela Secretaria de Estado do Trabalho (Setrab). À noite, no Teatro Amazonas, ela assistirá o espetáculo ‘Conectados’, realizado por pessoas autistas.

A titular do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, esteve na manhã desta quinta-feira (28) na nova sede da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Seped), localizada na Rua Salvador, nº 456, bairro Adrianópolis, zona centro-sul da capital. As secretárias nacionais dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Priscila Gaspar, e de Políticas para as Mulheres, Tia Eron, também visitaram o local.

Durante coletiva de imprensa, a ministra Damares ressaltou a importância do Estado em se tornar pioneiro nos trabalhos voltados para integração de crianças com deficiência. “O presidente Bolsonaro ressaltou que essa é uma nação da inclusão, e a gente vem caminhando nessa direção”, disse a ministra.

“A gente começa uma grande iniciativa aqui no norte do País, aqui em Manaus, pois percebemos que o olhar aqui para pessoas com deficiência tem sido um olhar diferente”, disse a ministra sobre os projetos implantados na região por meio da Seped.

A ministra ainda falou sobre a análise feita para alcançar as pessoas com deficiência em locais da região com difícil acesso. “Vamos sentar com as secretarias e o governo (estadual), pois o governo federal quer entender como podemos fazer tudo isso. Será uma iniciativa inédita para o governo federal, como, por exemplo, ir até uma aldeia indígena, com sete dias de barco pra chegar lá”, afirmou.

A ministra visitou, logo pela manhã, o abrigo Moacyr Alves, onde relatou ter ficado entusiasmada com local. Ao chegar à nova sede da Seped se emocionou ao conversar com as crianças e adultos com necessidades especiais.

Ainda nesta quinta-feira, Damares cumpre agenda em uma reunião na sede do governo, e em um evento organizado pela Secretaria de Estado do Trabalho (Setrab). À noite, no Teatro Amazonas, ela assistirá o espetáculo ‘Conectados’, realizado por pessoas autistas.

Fonte: Seped