A atriz Marina Ruy Barbosa teria indignado a colega de trabalho, Débora Nascimento. De acordo com uma nota dada pela jornalista Fabíola Reipert, do quadro Hora da Venenosa, do Balanço Geral,  Marina teria decidido procurar Débora, logo após a eclosão do caso envolvendo o ator José Loreto. 

Em fevereiro desse ano, para quem não lembra, Marina chegou a ser apontada como possível affair de Loreto. A atriz negou qualquer relação e chegou a dizer publicamente que ama o marido. 

Débora teria dito para amigas que ficou completamente indignada com a reação de Marina. Isso porque o encontro aconteceu nos corredores da Globo, no Rio de Janeiro. O objetivo da ruivinha mais famosa do país era acabar de vez com qualquer rumor de que ela seria amante de Loreto. 

Nascimento aceitou conversar com Marina. As duas foram para um restaurante dentro da emissora. Débora, no entanto, não teria perdoado a protagonista de O Sétimo Guardião. 

A assessoria de imprensa de Marina chegou a ser procurada por alguns sites. O Metrópoles, por exemplo, diz que entrou em contato com o estafe da atriz, mas ele não se pronunciou até a última atualização desta matéria. 

Relembre um pouco da polêmica envolvendo a separação de Loreto e Débora

Após Débora expulsar José Loreto de casa e acusá-lo de traição, segundo o jornalista Leo Dias, Marina foi apontada como pivô da separação. Ela fez vários desabafos na época e negou qualquer envolvimento com o ator, com quem vive um par romântico na novela O Sétimo Guardião. Débora nunca se pronunciou sobre a suposta amante do marido, com quem reatou o casamento.