O homem foi atingido com 14 tiros na cabeça, dois no braço esquerdo e um nas costas

Nilcivan Amorim Alves, de 32 anos, foi morto a tiros na tarde desta segunda-feira (14), por volta das 17h, quando homens, ainda não identificados, chegaram em um carro, chamaram pela vítima e dispararam diversas vezes. O crime aconteceu na rua Jorge Teixeira, bairro Santa Etelvina, zona Norte da capital.

Policiais militares da 26ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), foram acionados para o local após o homicídio e ao fazerem uma vistoria no apartamento da vítima, encontraram na garagem, um carro modelo Etios sedam de cor vermelha, placa PHL0058, que tinha sido roubado no bairro Japiim.

Vizinhos da vítima não deram muitas informações para a polícia alegando desconhecer o rapaz, que morava na localizada há dois meses.

De acordo com a polícia, Nilcivan atuava como líder da facção criminosa “Comando Vermelho” no bairro São Raimundo, zona Oeste.

Agentes do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC), realizaram a perícia do corpo ainda no local  e constataram que a vítima foi atingida com 17 tiros, sendo um nas costas, dois no braço esquerdo e 14 na cabeça.

Após a perícia, o corpo foi removido pelos funcionários do Instituto Médico Legal (IML). O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Em Tempo