O vizinho “reclamão”, de 40 anos, foi esfaqueado com um facão no tórax, no braço esquerdo e direito. Por conta dos ferimentos, foi atendido em uma unidade de saúde e passa bem.

Uma discussão entre vizinhos por conta de gritos altos durante o sexo provocou uma briga e um esfaqueamento na noite desta quinta (21), no bairro São Simão, em Várzea Grande. O vizinho “reclamão”, de 40 anos, foi esfaqueado com um facão no tórax, no braço esquerdo e direito. Por conta dos ferimentos foi atendido em uma unidade de saúde e passa bem.

De acordo com o boletim de ocorrência, o outro vizinho, de 44 anos, faz muito barulho ao praticar ato sexual e, por isso, estava geravando incômodo.

Na noite da última quinta (21), os filhos da vítima começaram a questionar o pai sobre o que eram esses barulhos.

Diante disso, ele esperou o ato e quando os barulhos terminaram ele seguiu até a casa ao lado para conversar sobre a situação. Porém, o suspeito não gostou das ponderações e começou a agredi-lo verbalmente e tecer ameaças. Em seguida, entrou em casa e foi buscar um facão.

Com a arma na mão, entrou em luta corporal com a vítima e acabou o ferindo três vezes. Acompanhando o conflito, populares acionaram a Polícia Militar via Ciosp. Quando os militares chegaram, conseguiram acalmar os ânimos e conduziram ambos à Central de Flagrantes. O caso foi registrado como ameaça consumada por meio de arma cortante. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Fonte: RD News