Após três meses sem funcionar por conta da pandemia, a feira de artesanato retoma as atividades.

Uma das mais tradicionais feiras de artesãos de Manaus e também ponto de encontro de famílias nas manhãs de domingo, a Feirinha de Artesanato da Eduardo Ribeiro volta a funcionar neste fim-de-semana.

Após três meses sem funcionar por causa da pandemia do coronavírus, a feirinha retoma as atividades, porém com mudanças para garantir a segurança dos artesãos e consumidores.

O distanciamento entre as barracas foi ampliado para evitar aglomerações. No caso dos vendedores de alimentos, houve redução de 50% no número de mesas e cadeiras. Os comerciantes também terão que oferecer álcool em gel aos clientes.

Só poderão frequentar a feira os consumidores que estiverem usando máscara. A regra vale também para os comerciantes.

Realizada há mais de 20 anos, a Feirinha do Artesanato espera recuperar a movimentação e os lucros obtidos antes da pandemia. As atividades começam às 6h e vão até às 14h de domingo.