O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) flagrou, entre sexta-feira (21/02) e a noite da última quarta-feira (26/02), 277 motoristas dirigindo sob o efeito de álcool em Manaus e na Região Metropolitana da capital. Ações educativas do órgão alcançaram, aproximadamente, 200 mil pessoas em blocos, bandas e no Sambódromo. A fiscalização faz parte da estratégia do Governo do Amazonas para a promoção de um trânsito seguro. Quatro motoristas foram presos por embriaguez ao volante.

Os dados foram apresentados nesta quinta-feira (27/02) durante balanço da operação Carnaval da Paz 2020, realizado pelos órgãos de segurança, com a presença do secretário de Segurança, coronel Louismar Bonates, da delegada-geral da Polícia Civil, Emília Ferraz, do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Ayrton Norte, do comandante-geral do Corpo de Bombeiros, Danízio Valente, e do diretor-presidente do Detran-AM, Rodrigo de Sá.

O número de motoristas flagrados dirigindo sob o efeito de álcool, em 2020, cresceu 20,43% em relação ao Carnaval de 2019, quando 230 motoristas alcoolizados foram flagrados ao volante. Neste ano, o Detran-AM realizou 6.929 testes de alcoolemia, um crescimento de 169% em relação do mesmo período do ano passado quando foram realizados 2.575 testes. As ações fiscalização ocorreram em diversas zonas da capital, com ênfase em locais com grande aglomeração de pessoas. Na quarta-feira (26/02), a operação foi reforçada nas estradas e saídas da capital.

Intensificação das fiscalizações – O diretor-presidente do Detran-AM, Rodrigo de Sá, ressalta que os números foram extremamente positivos do ponto de vista da segurança pública. “Nós entendemos o balanço como positivo. É natural a intensificação das fiscalizações nesse período de Carnaval, à semelhança do que foi feito nas festas de fim de ano e no Carnaval também do ano passado. Nós cumprimos à risca o nosso papel institucional que o Código de Trânsito Brasileiro nos impõe, que é trabalhar não só com a repressão, mas também com a prevenção”, disse.

Ações educacionais – Rodrigo de Sá destacou, ainda, o trabalho realizado pela área educacional. “Investimos significativamente na área da educação. A Gerência de Educação conduziu um trabalho de dramatização. Fomos até às bandas, blocos e estávamos nas principais aglomerações de pessoas levando conscientização de trânsito de um modo lúdico, potencializando a absorção da necessária responsabilidade de dirigir um veículo automotor”, salientou.

Multas – Durante as fiscalizações, 628 multas foram aplicadas e 121 veículos foram removidos ao parqueamento por diversas irregularidades. O médico Vitor Albuquerque foi um dos motoristas abordados e aprovou a fiscalização. “Eu acho extremamente importante porque, ultimamente, principalmente nessa época do ano, Carnaval, o pessoal começa a extrapolar e a irresponsabilidade pode gerar muitos acidentes”, disse o médico.

Prevenção – Ações de educação alcançaram aproximadamente 200 mil pessoas, um crescimento de 900% em relação ao ano de 2019, quando 20 mil pessoas foram alcançadas pelas ações educativas. Neste ano, o Detran-AM promoveu um trânsito seguro por meio de ações educativas dinâmicas. O “Bloco do Detran” passou em bares, blocos, bandas de Carnaval e pelo Centro de Convenções Professor Gilberto Mestrinho – Sambódromo, levando alegria e conscientização para o trânsito por meio de abordagens educativas e encenação teatral para alertar os motoristas sobre os riscos de misturar bebida e direção.

FOTOS: TÁCIO MELO E MICHELL MELLO/SECOM