Episódio da websérie “Terceiro Ciclo do Cinema Amazonas” serão lançados todas as quartas, no YouTube.

Os avanços do audiovisual do Amazonas neste século, com filmes premiados em festivais ao redor do planeta e o surgimento de eventos em larga escala, como o Amazonas Film Festival, Matapi e Olhar do Norte, serão o foco da websérie “Terceiro Ciclo do Cinema Amazonas”.

O projeto do Cine Set, site de cinema em atividade em Manaus há seis anos, estreia na quarta-feira (13), no YouTube: https://youtube.com/cinesetam.

O projeto terá sete episódios com duração máxima de dez minutos cada um. A apresentação fica por conta do editor-chefe do Cine Set e autor da proposta, Caio Pimenta.

“A websérie tem como ponto de partida o livro de 1994, ‘A Tônica da Descontinuidade: cinema e política em Manaus na década de 60’, em que o professor da Universidade Federal do Amazonas e um dos principais pesquisadores sobre o audiovisual do Estado, Narciso Lobo, afirma que o cinema amazonense tivera dois ciclos até então: o primeiro com Silvino Santos, nos anos 1910, até o início da década de 1930, e o segundo com a geração cineclubista dos anos 1960”, explicou Caio Pimenta, por meio de assessoria.

Pimenta afirma, ainda, que acredita que seja possível que, a partir de 2001, com a criação da Amazonas Film Commission e o Núcleo de Polo Digital, vive-se uma terceira etapa do audiovisual local.

Ao longo dos sete episódios, a websérie resgata a história de Silvino e do cineclubismo dos anos 1960 para chegar aos dias atuais. Ela foi contemplada no edital Programa Cultura Criativa 2020 – Lei Aldir Blanc – Prêmio Feliciano Lana, do Governo do Amazonas.

Da nova geração, o Cine Set destaca as principais características desta produção, os filmes que circularam o planeta, os eventos surgidos ao longo dos anos e também as marcas da descontinuidade.

Os vídeos da websérie serão lançados todas as quartas-feiras no canal do Cine Set no YouTube, sempre a partir de 11h (horário de Manaus). Os roteiros na íntegra, assim como os links para os filmes locais, estarão disponibilizados no site de cinema.

Fonte: G 1 Am