Na noite desta quinta-feira (26), confusão envolvendo a advogada Luciana Lopes de Carvalho e a delegada titular da Decor, Karla Viviane, movimentou o meio jurídico.
A advogada deu voz de prisão à delegada com base na lei de abuso de autoridade. Segundo informações recebidas pelo Justiça Potiguar, a advogada teve negado diversos pedidos de acesso à investigação contra seu cliente.
Após nova negativa, foi acionada a comissão de prerrogativas da OAB-RN.

Circula nas redes sociais o vídeo de uma advogada potiguar relatando a possível prática de abuso de autoridade pela delegada Karla Viviane, titular da Deicor nesta quinta-feira, 26.
A advogada relata que a delegada estaria infringindo o artigo 32 da Lei de Abuso de Autoridade, ao impedir acesso do advogado a procedimento da investigação. A advogada conclui informando que acionou a comissão de prerrogativas da OAB e a polícia, além de pedir apoio aos demais colegas advogados.

https://youtu.be/iprh7tKOx3w

Fonte: Terra Brasil Notícias