Após o governo Federal alterar o acesso a dados sobre a pandemia de coronavírus no Brasil, vários veículos de comunicação uniram-se nesta terça-feira (09) para buscar informações nos 26 Estados do País e no Distrito Federal.

A união é formada pelos jornais O Globo, Extra, Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo, pela TV Globo e pelos portais Uol e G1, que vão buscar informações sobre a realidade da pandemia em todo Brasil.

Os dados serão divulgados diariamente às 20h (horário de Brasília), e vão ajudar a população a conhecer os números atualizados e sem manipulações sobre a quantidade de óbitos e novos casos de Covid-19 no País.

Desde a semana passada, o Ministério da Saúde mudou as regras de divulgação do avanço da pandemia. Os dados ficaram mais difíceis de serem obtidos pela imprensa e pela sociedade. Outro problema é a falta de transparência na coleta dos números junto às secretarias de Saúde dos Estados.

O portal na Internet usado pelo ministério para divulgar os números foi tirado do ar na quinta-feira passada. Quando voltou, passou a divulgar apenas casos novos. Ou seja, desparecem os números consolidados e o histórico do avanço da doença no Brasil, informou a reportagem do site G1.

A partir de agora, os veículos de comunicação vão coletar as informações direto nas secretarias de Saúde nos Estados e encaminhar para uma central de notícias, que contabilizará os casos registrados.