Candidato destacou a implantação de um BRT de verdade e 7 estações hidroviárias na área fluvial da cidade.

O candidato a prefeito de Manaus Romero Reis (Partido Novo) destacou, durante o debate político na TV NORTE, na manhã desta sexta-feira (6), que a solução para resolver o precário transporte coletivo em Manaus é a implantação do BRT (da sigla em inglês para Veículo de Trânsito Rápido, em tradução livre). Ele foi questionado sobre o assunto pelo eleitor Samuel, morador do bairro do Aleixo, em pergunta gravada pela produção do debate.

O BRT é um sistema de ônibus rápido com faixa única (cujas obras em andamento serão continuadas) que vai ganhar um percurso de 50 quilômetros pelas principais vias de Manaus.

“Como nós vamos resolver o sistema de transporte coletivo? Não vai ser com política barata. Vai ser com pessoas competentes, com técnica. Vamos fazer isso através de um BRT, mas um BRT de verdade, um circuito de pelo menos 50 km”, destacou.

Romero defendeu ainda a criação de um novo modal, o aquaviário, para o qual serão implantadas sete estações fluviais, do bairro Puraquequara, na Zona Leste de Manaus, até a Marina do Davi, na Ponta Negra, Zona Oeste. “Aliadas a isso (BRT), tem um projeto que está parado há 20 anos, que é o transporte feito de barcas. Com um passagem, o cidadão vai ser transportado de barco ou pelo BRT. Isso vai trazer qualidade de vida para as 500 mil pessoas que diariamente são transportadas pelo sistema de transporte coletivo”, defendeu.

Romero defende uma solução mais rápida e eficiente para o transporte, uma vez que o fluxo de passageiros e a dinâmica da cidade, não suporta metrô ou VLT.