Profissional revela qual é o intervalo ideal entre a refeição e o treino.

Especialistas afirmam que comer antes de malhar é essencial para dar o melhor de si nos treinos. Afinal, exercitar-se de estomago vazio pode evocar o mal-estar e prejudicar o rendimento durante as atividades físicas. Segundo a nutricionista Melissa Rifkin, proprietária de uma clínica de wellness em Nova York, é importante, além de fazer uma refeição antes do treino, observar o que se come.

“Comer uma refeição pesada imediatamente antes do treino pode causar desconforto gastrointestinal, desencadeando inchaço e cãibras”, alertou Melissa em recente entrevista ao Insider. “Além disso, o desempenho do atleta fica prejudicado devido a demandas conflitantes entre os músculos e o sistema digestivo”, emendou.

Em vez disso, a especialista recomenda comer um lanche com baixo teor de fibras, como banana, torrada com manteiga de amendoim ou iogurte com granola, cerca de 30 a 45 minutos antes de praticar treinos curtos e de alta intensidade, a exemplo do HIIT (treino intervalado de alta intensidade) e da musculação.

Para atividades mais longas, como corrida ou natação, por outro lado, a nutricionista revela que é preciso armazenar energia por um período maior antes do treino. Nesses casos, ela aconselha desfrutar de uma mistura de carboidratos e proteínas, como bagel de trigo integral com manteiga de amendoim ou iogurte com frutas, duas a três horas antes do exercício.

Fonte: Metrópoles