O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), deputado Roberto Cidade (PV), assinou o pedido de instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Amazonas Energia apresentado pelo deputado Sinésio Campos (PT). A proposta já tem a assinatura de oito parlamentares e será instalada na sessão plenária desta quarta-feira, 1 de setembro.

“Já temos as oito assinaturas necessárias. Na sessão de amanhã faremos a instalação oficial da CPI da Amazonas Energia. Precisamos dar uma resposta à população que sofre com a ineficiência dessa empresa na prestação de serviço, tanto em Manaus quanto no interior. No final de semana estive em cinco municípios e vi o sofrimento das pessoas sem energia nesse verão”, destacou.

Além de Roberto Cidade e Sinésio Campos, também assinaram o requerimento de instalação da CPI os deputados: Fausto Jr (MDB), João Luiz (Republicanos), Wilker Barreto e Dermilson Chagas (Podemos), Therezinha Ruiz (PSDB) e Serafim Corrêa (PSB).

Críticas

Roberto Cidade tem sido um critico ferrenho da atuação da Amazonas Energia no Estado. No mês de junho, em uma cessão de tempo concedida pelo deputado João Luiz, o vice-presidente da Amazonas Energia, Radyr Oliveira, esteve na Aleam e foi cobrado por Cidade o cumprimento de Leis aprovadas no Parlamento, sobretudo a que proíbe o corte no fornecimento de energia durante a pandemia do coronavírus e também o sobre as constantes falta de luz nos municípios.

Foto: Evandro Seixas