Depois de anunciar o pagamento dos 14° e 15° salários para professores da rede municipal, incluindo, pela primeira vez, profissionais da educação infantil, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, confirmou na noite desta segunda-feira, 23/11, o repasse do que houver de sobra dos recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) à categoria.

A informação foi confirmada após reunião com gestores da Secretaria Municipal de Educação (Semed). Segundo o prefeito, a medida é mais um reconhecimento aos professores das escolas municipais.
“Tudo que conquistamos na educação básica em Manaus foi com a participação direta dos professores, que assumiram conosco o compromisso de colocar Manaus entre as dez melhores cidades deste país no Ideb. Por isso, nada mais justo que conceder mais essa homenagem, oferecendo a eles um benefício a mais neste fim de ano”, disse o prefeito.
O valor do repasse está sendo levantado pela Semed, considerando os custos com salários e premiações, dentre outros pagamentos que envolvem o custeio da rede municipal de ensino via Fundeb. A expectativa é de que o total de recursos em sobra, bem como o quantitativo de educadores a ser contemplado, seja divulgado até o final deste mês de novembro.