A morte de um pitbull, baleado no Rio de Janeiro, comoveu as redes sociais neste sábado (3). O cão, chamado Thor, passeava com o padrasto de sua tutora em São Cristóvão, na zona norte da cidade quando ocorreu o crime. O homem foi atingido por dois disparos e está hospitalizado.

O ativista da causa animal Randel Silva publicou o Boletim de Ocorrência registrado na 17 DP e lançou a hashtag #JustiçaPorThor. As postagens no Instagram ultrapassaram 13 mil curtidas.

“Nessa madrugada o pitbull Thor foi covardemente assassinado enquanto passeava com o padrasto de sua tutora. […] Thor estava de focinheira e guia.

Não representava nenhum risco e, ao cheirar uma cachorrinha, levou dois tiros e morreu. Seu tutor também levou dois tiros e segue internado. Esse covarde fugiu e precisa ser identificado e preso”, escreveu Randel.

O influenciador também afirmou ter entrado em contato com a tutora do animal, identificada como Daniela.

“Vamos lutar por justiça. Esse criminoso não pode sair impune. Divulguem muito para que chegue até alguém que tenha testemunhado o crime. Precisamos que esse criminoso seja identificado para ser preso. Justiça por Thor! Você viu quem assassinou o Thor?”, concluiu o ativista.