Os moradores de Parintins, no interior do Amazonas, aguardam a definição do governo do Estado e da prefeitura de Parintins sobre a realização do Festival Folclórico deste ano.

Embora sejam poucas as chances do evento acontecer, os moradores aguardam uma resposta oficial sobre o cancelamento da festa.

No início do ano, com a chegada de vacinas contra a Covid-19, havia a expectativa que o evento voltasse a acontecer em 2021. Mas a lentidão na imunização e o surgimento de variantes do coronavírus jogaram um balde de água fria em que sonhava com a festa.

Ano passado, o Festival Folclórico teve que ser cancelado por causa da primeira onda da Covid-19. Havia a promessa que a festa voltaria em 2021, quando toda a população do município fosse vacinada e a doença estivesse sob controle.
Infelizmente, as previsões eram otimistas demais e, mais uma vez, o festival não será realizado.

Se não estivéssemos sob a sombra da pandemia, Parintins já teria começado o trabalho nos galpões dos bois Garantido e Caprichoso. As festas em Manaus e Parintins estariam acontecendo todos os fins de semana.
O clima de festa começaria a tomar conta da ilha, que se enfeitaria para receber turistas e realizar um dos eventos mais bonitos e importantes do folclore brasileiro.

Se fosse realizado neste ano, o festival aconteceria nos dias 25, 26 e 27 de junho (último fim de semana do mês). Com a chegada da data, Parintins sentirá, cada dia mais forte, um clima de tristeza e de saudade pelo seu grande festival.

Saudade que encherá os corações dos torcedores de Garantido e Caprichoso, que vão deixar a brincadeira para junho de 2022.