Acessório indígena foi entregue pelo bispo de São Gabriel da Cachoeira, Dom Edson Taschetto Damian.

O Papa Francisco recebeu um cocar de bispos do Amazonas que estão fazendo uma visita ao Santo Padre nesta segunda-feira (20). O acessório indígena foi entregue pelo bispo de São Gabriel da Cachoeira, Dom Edson Taschetto Damian.

A visita é a primeira dos bispos da Amazônia Ocidental após o Sínodo da Amazônia, ocorrido em 2019 no Vaticano.

“Antes de eu sair, perguntei: ‘ que presente querem oferecer ao Papa Francisco?’ Disseram: ‘um cocar'”, informou o religioso.

Ao ver o cocar, o papa perguntou se era uma mitra – acessório litúrgico usado pelo papa e bispos.

“As mulheres mandaram uma mitra para o senhor”, respondeu o bispo.

Durante o encontro, outros bispos do Amazonas presentearam o papa, entre eles o arcebispo de Manaus, dom Leonardo Steiner, que recentemente foi nomeado pelo Santo Padre como cardeal.

Também participaram da reunião representantes da igreja de Roraima e bispos do Acre e de Rondônia.

O encontro com o papa ocorre durante a visita ad Limina Apostolorum, no Vaticano, um momento no qual os bispos vão ao local prestar contas sobre o trabalho pastoral realizado em suas dioceses.

Nessa passagem pelo Vaticano, os religiosos visitam o túmulo dos apóstolos Pedro e Paulo e se reúnem com a cúpula da Igreja Católica para discutir os rumos das igrejas locais.

A visita ad Limina Apostolorum dos bispos do Amazonas, Roraima, Rondônia e Acre ocorre até sexta-feira (24).

 

 

 

 

Fonte: G1 Amazonas