Diretora da entidade pediu que população continue a seguir as orientações de saúde pública que evitam a transmissão da doença.

Durante entrevista coletiva nesta quarta-feira (13/1), a diretora da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), Carissa Etienne, afirmou que a pandemia da Covid-19 pode ser mais grave em 2021 do que no último ano se a população baixar a guarda quanto às orientações de saúde pública.

Carissa destacou a importância dos países não relaxarem e de as pessoas continuarem respeitando o distanciamento social, o uso de máscaras e a higiene constante das mãos para evitar a transmissão do novo coronavíus.

Ela lembrou que a nova variante do vírus Sars-CoV-2, encontrada pela primeira vez no Reino Unido, é mais transmissível e já está presente em pelo menos seis países das Américas, entre eles o Brasil. (Com informações da Agência Estado).

Fonte: Metrópoles