Indicação é que reforço imunológico aconteça quatro meses após a terceira aplicação; pasta também liberou o segundo reforço para vacinados com a Janssen.

O Ministério da Saúde anunciou nesta segunda-feira, 20, a ampliação do público elegível para receber a quarta dose da vacina contra a Covid-19. Agora, pessoas com 40 anos ou mais já podem procurar os postos de saúde para receber o segundo reforço imunológico. Anteriormente, apenas pessoas com 50 anos ou mais, idosos, imunossuprimidos ou trabalhadores da saúde tinham acesso à nova etapa de imunização. Para ser elegível, é preciso ter tomado a terceira dose há pelo menos quatro meses. As vacinas recomendadas são AstraZeneca, Pfizer ou Janssen. O Ministério da Saúde também anunciou ampliação do reforço imunológico para cidadãos vacinados com composto de dose única da Janssen. Agora, para a população com 18 anos ou mais já está liberado o segundo reforço e para a população com 40 anos ou mais a terceira dose. Para esses casos, a recomendação é que também sejam utilizadas doses da AstraZeneca, Pfizer ou Janssen. Segundo dados do Ministério, ao todo, já foram distribuídas mais de 519,8 milhões de doses das vacinas para o público adulto e pediátrico desde o início de 2021.

#AoVivo Ampliamos a segunda dose de reforço para pessoas a partir de 40 anos a partir desta segunda-feira (20). Além disso, apresentamos algumas mudanças para quem tomou no esquema primário a dose única da Janssen.
🖥️ Acompanhe: https://t.co/ype3oeUhPW
— Ministério da Saúde (@minsaude) June 20, 2022

Fonte: JP Notícias