Prefeito de Manaus, David Almeida, cancelou a participação num evento para estruturar ação que buscará outras 300 mil pessoas sem a 2ª dose.

A prefeitura de Manaus está estruturando uma força-tarefa para buscar 150 mil pessoas que não tomaram nenhuma dose da vacina contra a Covid-19 e outras 300 mil que não receberam a segunda dose. O prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), estava prestes a embarcar para um evento em São Paulo, mas teve de cancelar a participação na cerimônia para participar de uma reunião de emergência com o secretariado da cidade.

A informação foi dada pelo secretário de comunicação de Manaus, Emerson Quaresma, que representou o prefeito na premiação organizada pelo Grupo Voto na noite de quinta-feira (9/12).

Manaus foi o epicentro das ondas de Covid-19 que atingiram o país, e a falta de oxigênio para os pacientes da cidade foi um dos temas centrais na CPI da Pandemia. Mais de 9 mil manauaras morreram em decorrência do vírus.

A ação da prefeitura tem como objetivo impedir que Manaus seja atingida pelo surgimento da variante Ômicron e pela quarta onda de Covid-19 que assola os países europeus.
Quaresma declarou que 80% da população de 2 milhões de manauaras está com o clico vacinal completo, mas que a que “nova ameaça chegou” e que “precisamos estar atentos” ao avanço de novas variantes.

Fonte: Metrópoles