Os feriados municipais podem ser cancelados pelo período de 12 meses após Manaus sair do estado de calamidade pública causado pelo coronavírus.

A medida está sendo discutida pela Câmara Municipal de Manaus e, na sessão da última segunda-feira (17), deu mais um passo para sair do papel. O projeto foi analisado pela comissão de Constituição, Justiça e Redação da CMM, onde recebeu aprovação unânime dos vereadores.

O argumento para suspender os feriados é que Manaus já enfrentou paralizações demais por causa do coronavírus, por isso precisa se recuperar economicamente. A solução encontrada pelos vereadores é suspender por um ano os feriados e pontos facultativos municipais.

O portal A Repórter pesquisou no site da prefeitura e descobriu que a capital possui sete dias destinados a feriado.

Até o final do ano ainda teremos as comemorações de Elevação de Manaus à Categoria de Província (5 de setembro), aniversário de Manaus (24 de outubro), dia do Servidor Público (28 de outubro), dia da Consciência Negra (20 de novembro) e dia de Nossa Senhora da Conceição (8 de dezembro). Em 2021 teremos os feriados de terça e quarta-feira de Carnaval.

A decisão final sobre a suspensão dos feriados deve sair até o final do mês, informou a Câmara Municipal.