Ex-presidiário voltou a defender a regulação dos meios de comunicação. “Não quero modelo tipo China, tipo Cuba. Quero tipo Inglaterra”

Em entrevista ao Jornal Bahia no Ar, Lula reclamou da “generalização” de que o PT roubou, o que tem sido repetido por integrantes do próprio partido, como Gilberto Carvalho. “Vamos parar de generalizar. Quando você falar que o PT roubou, diga quem roubou. Dê um nome.”

O ex-presidente, voltou a defender a regulamentação das comunicações, especialmente da internet. Citou Jair Bolsonaro, “que mente cinco vezes por dia” e o “canalha que não tem coragem e se esconde no quarto dele e fala mal da tua mãe, da tua filha, do teu neto”.
Lula disse que não quer controlar. “Não quero modelo de comunicação tipo China, tipo Cuba. Quero tipo Inglaterra. Lá não tem democracia?”.

E lembrou que, quando presidente, aumentou a distribuição de recursos públicos de pouco mais de 400 meios de comunicação para 4 mil. “É preciso incentivar os veículos regionais. Todos têm que receber o mínimo de auxílio para funcionar.”

Fonte: O antagonista