BORBA-AM | Na manhã desta quinta-feira (23), por volta de 8h, uma lancha expresso que levava pelo Rio Madeira cerca de 60 pessoas do porto do município de Borba (179km de distância de Manaus), até a Comunidade do Rosarinho (região do município de Autazes), foi saqueada por quatro criminosos que deixaram os tripulantes em pânico por cerca de duas horas.

Segundo informações que o site Imediato recebeu, cerca de 60 pessoas estavam abordo na embarcação que estava fazendo a rota do município de Borba até Autazes. Ao encostar na comunidade do Axinim (na região de Borba), 4 criminosos embarcaram na lancha que seguiu viagem.

Minutos após a saída da lancha, os criminosos, que estavam fortemente armados, anunciaram o assalto. Um deles ficou com uma arma apontada para o condutor da lancha, para que desviasse o caminho, e os outros 3 amarraram os tripulantes.
Os homens abriram todas as bagagens das pessoas procurando pertences preciosos, celulares e dinheiro das vítimas.

A ação criminosa durou cerca de 2 horas, e terminou quando a embarcação chegou na comunidade do Rosarinho, em Autazes.
Após isso os homens fugiram da embarcação e as pessoas foram socorridas e desamarradas.

Veja vídeos:

https://youtube.com/shorts/xpiB95hzRNc?feature=share

Fonte: imediato