Valor do benefício corresponde a 50% da média do preço nacional do botijão de 13 kg de GLP; quem tem o Número de Identificação Social (NIS) com final 1 vai receber primeiro.

Começa nesta quinta-feira, 14, o pagamento do auxílio gás de abril para 5,39 milhões de famílias. Os beneficiários com o Número de Identificação Social (NIS) final 1 serão os primeiros a receber o benefício de R$ 51 (no bimestre anterior, o valor era de R$ 52). O valor do vale-gás corresponde a 50% da média do preço nacional do botijão de 13 kg de gás liquefeito de petróleo (GLP). O benefício é limitado a um por família. “Este é mais um benefício que visa melhorar a qualidade de vida dos brasileiros em situação de vulnerabilidade. O auxílio gás, a tarifa social de energia elétrica, dentre outras iniciativas, reforçam o compromisso do governo federal com os cidadãos que mais necessitam”, disse o ministro da Cidadania, Ronaldo Bento.

De acordo com o Ministério da Cidadania, o Nordeste é a região com o maior número de cidadãos atendidos pelo auxílio gás: 2,68 milhões. Na sequência está o Sudeste, com 1,69 milhão de beneficiados. Ao todo, o governo investiu R$ 275 milhões para viabilizar o benefício. Para recebê-lo, não é necessária inscrição. Recebem o vale-gás todas as famílias inscritas no Cadastro Único com renda per capita menor ou igual a meio salário mínimo, assim como os integrantes do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: JP Notícias