Parintins será primeiro do interior do estado a ter implementação desses serviços de saúde à mulher.

O Governo do Amazonas irá ampliar o Serviço de Diagnóstico do Câncer de Mama (SDM) e o Serviço de Referência para Diagnóstico e Tratamento de Lesões Precursoras do Câncer do Colo de Útero (SRC) para Parintins (a 369 quilômetros de Manaus). Com a descentralização inédita, o município será o primeiro do interior do estado a ter a implementação dos serviços para enfrentamento das doenças de incidência entre as mulheres.

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) irá capacitar os profissionais de saúde de Parintins. Unidades de saúde do município indicadas para Serviço de Referência para diagnóstico e tratamento das lesões precursoras de câncer de colo de útero oferecerão tratamento ambulatorial. Os procedimentos não necessitam de internação.

“Já ampliamos a capacidade de atendimento na capital e agora avançamos para o interior. A partir da capacitação das equipes, o município de Parintins estará preparado para diagnosticar e tratar as mulheres com câncer de mama e colo de útero e se tornará referência no Baixo Amazonas”, afirma Anoar Samad, secretário de Estado de Saúde.

Saúde da mulher – Por meio do programa Saúde Amazonas, o Estado efetivou o SDM e o SRC na Policlínica Governador Gilberto Mestrinho e no Hospital Delphina Aziz, em Manaus. As duas unidades de referência atuam de maneira integrada à Rede de Atenção à Saúde das Pessoas com Doenças Crônicas, visando a integralidade do cuidado, com atuação de equipe multidisciplinar formada por médicos, ginecologistas, mastologistas, radiologistas, entre outros profissionais.

Considerada uma das ações prioritárias e estratégicas para o enfrentamento do câncer de colo do útero e mama, o Amazonas garantiu a ampliação da oferta do exame citopatológico para diagnóstico do câncer de colo de útero. A quantidade passou de 72,4 mil para 93,9 mil exames por ano, um incremento de cerca de 30%.

FOTO: Daniel Oliveira/SES-AM