Nesta quinta-feira (29/07), o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), e o Governo Federal, juntamente com a prefeitura de Autazes, entregaram 1.760 cestas básicas para pescadores artesanais que foram afetados pela pandemia e cheia dos rios, naquele município, distante 113 quilômetros de Manaus.

A entrega simbólica ocorreu no Ginásio Poliesportivo Jucá Siqueira, situado na rua Francisco Barroncas, onde foram distribuídas 733 cestas básicas para Colônia-07, 529 para o Sindicato dos Pescadores de Autazes e 498 para a Associação de Pescadores do município, totalizando 1.760 cestas que vão beneficiar as famílias dos pescadores afetados.

De acordo com o secretário titular da Sepror, Petrucio Magalhães Júnior, a união de esforços entre Governo do Amazonas, Governo Federal e as prefeituras municipais é essencial para beneficiar os pescadores artesanais nesse momento difícil.

“Todos os municípios do Amazonas possuem pescadores artesanais e irão receber cestas básicas. O pescador e a pescadora são pessoas dignas e valorosas, e essa não é a primeira vez que estamos no município para fazer entregas para os produtores rurais. O setor primário nunca foi tão valorizado, quem ganha é o Amazonas, é o nosso produtor rural”, afirmou Petrucio.

Cooperação – A aquisição das cestas foi feita pelo Governo Federal, por meio da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Ministério da Cidadania (MC) e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). As entregas serão realizadas pelo Governo do Amazonas, por meio da Sepror, em parceria com a Superintendência Federal da Agricultura (SFA/Mapa/AM) e prefeitura local.

As cestas são destinadas para as colônias, associações e sindicatos da atividade pesqueira, que fazem a entrega para os pescadores cadastrados que possuem o Registro Geral de Pesca (RGP) ativo junto à Secretaria Especial de Aquicultura e ao Mapa.

O prefeito em exercício de Autazes, Marcelo Tupinambá, ressalta que o pescador, assim como o agricultor familiar, são fundamentais para o desenvolvimento econômico e social do estado.

“Quero falar um pouco do pescador, que, com seu trabalho humilde, está todo dia no sol e na chuva, com a pesca sendo boa ou não, mas nunca desistiu de trazer o pescado para a mesa de toda a população. A Prefeitura em parceria com o governo estadual e federal, sempre vão lutar para beneficiar essa categoria que é tão importante para o Amazonas”, afirma.

Ao todo, já foram beneficiados 17 municípios do Amazonas com a entrega das cestas básicas, totalizando aproximadamente 19,1 mil cestas básicas entregues para os pescadores.

No total, serão entregues aproximadamente 58,9 mil cestas de alimentos para os pescadores artesanais cadastrados em entidades cadastradas ao SFA/Mapa, que residem nos 61 municípios do estado e na capital, Manaus.

“Estamos muito felizes, com as três entidades no evento, isso mostra união, mostra a força do pescador que é tão importante. Agradeço de coração ao governador Wilson Lima, à prefeitura e ao Governo Federal. Como diz o ditado: a união faz a força”, finalizou o presidente do Sindicato de Pescadores de Autazes (SindPesca), Washington Brasil.

Cada cesta pesa 21 quilos e contém 10 quilos de arroz, quatro quilos de feijão, dois quilos de farinha de mandioca; dois quilos de açúcar; um quilo de flocos de milho, um quilo de macarrão e um quilo de leite em pó.

Vacinação – O Governo do Estado e a Prefeitura de Autazes aproveitaram a oportunidade da distribuição das cestas para aplicar promover a imunização ao Covid-19 entre os pescadores e familiares que ainda não receberam a primeira dose. A estimativa foi a de imunizar aproximadamente 850 pessoas com mais de 18 anos com as doses das vacinas Janssen, AstraZeneca e CoronaVac.

FOTOS: Emerson Martins