Para enviar uma bagagem maior, as taxas aumentaram e, agora, dependem do tempo de antecedência para adquirir o serviço.

A Gol implementou um novo modelo de cobrança para despacho de bagagem em seus voos que não considera mais o canal de compra (canais digitais como site, app ou totem de autoatendimento ou balcão do aeroporto) mas a antecedência em que o serviço foi adquirido. Para pagar mais barato pela mala vai ser preciso incluí-la pelo menos 48 horas antes da decolagem, modelo já praticado pela Latam e Azul.

Além disso, mesmo comprando com antecedência, todas as taxas ficarão mais altas. A nova política já entrou em vigor, sem aviso prévio.

Novas tarifas de bagagem despachada da Gol

Em voos nacionais, o menor valor da primeira bagagem subiu de R$ 60 para R$ 80, uma variação de 33%, e desde que comprado com antecedência. Já nos voos internacionais, a primeira mala passou de R$ 60 para R$ 100, um aumento de 67%, e também mediante a compra antecipada.

Continue lendo no site Melhores Destinos:

https://www.melhoresdestinos.com.br

Fonte: Metrópoles