O crime ocorreu no estabelecimento da vítima, uma cafeteria  inaugurada há apenas dois meses e levava o nome Mizes em homenagem a sogra.

O empresário Lucas Ramon Silva Guimarães, de 29 anos, foi morto a tiros dentro do seu estabelecimento, a cafeteria Mizes, ao lado do Hospital Santa Júlia, no bairro Praça 14. O crime configura morte encomendada, pois o assassino chegou em uma moto, entrou no café e perguntou por Lucas, efetuando três disparos na cabeça ao identifica-lo.

Genro do dono do hospital Santa Júlia, ele chegou a ser levado para dentro da unidade de saúde, mas não resistiu.

A esposa da vítima, Dra. Elza Gonçalves é médica oncologista e está grávida do segundo filho do casal.

Ainda não se sabe o que motivou o crime.