A maior festa folclórica do Norte do Brasil, o Festival de Parintins continua sem uma data para ser realizado em 2020. Programado para acontecer nos dias 26, 27 e 28 deste mês, o evento foi suspenso por causa do coronavírus e talvez só aconteça em 2021.

No mês passado, os presidentes dos bumbás Garantido e Caprichoso e representantes da prefeitura de Manaus e da secretaria de Cultura do Amazonas sugeriram que a festa fosse transferida para outubro, junto com o aniversário da cidade.

A mudança na data chegou a ser comunicada aos moradores de Parintins, porém não obteve consenso entre a população. Diante da falta de apoio popular, a realização do festival em 2020 ficou gravemente ameaçada.

A possibilidade da festa só acontecer em 2021 ganha cada vez mais apoio.

O problema na transferência da data é o prejuízo causado aos setores hoteleiro, de transportes, artesanato e de venda de alimentos e bebidas em Parintins.

Comerciantes e trabalhadores aguardam o festival para movimentar a economia do município, que vive basicamente do turismo.

Sem a realização do evento neste ano, o município corre o risco de entrar numa grave resseção, prejudicando a arrecadação de impostos e a atrapalhando a oferta de empregos.H