A Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), do Governo Federal, destinou, neste mês de novembro, mais de 505 toneladas de produtos oriundos da agricultura familiar, para 56 entidades do estado do Amazonas.

Apenas neste mês, foram investidos R$ 1.162.665,00, recurso disponibilizado pelo Ministério da Cidadania para a compra de produtos de 201 agricultores familiares, atendendo a 16 municípios do Amazonas. Os produtos adquiridos são entregues nos municípios por meio das unidades locais do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam).

De acordo com o coordenador do PAA, Tânis Castro, o Programa atende 55 municípios do Amazonas, buscando apoiar a comercialização da agricultura familiar e adquirir produtos de qualidade.

“O PAA trabalha com foco no incentivo à produção rural da agricultura familiar e na assistência a pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade social”, afirmou.

Segundo a assistente social da Associação de Idosos Unidos Venceremos (Unive), Pamela Pantoja, neste período de pandemia, essas doações são essenciais para atender mais de 120 idosos de baixa renda que residem em Manaus.

“Com essa pandemia está sendo complicado, mas estamos nos organizando. Recomendamos que os familiares busquem os alimentos em nossa instituição, e aos idosos que moram sozinhos, que usem a máscara para receber os produtos”, afirmou a assistente social.

PAA – O Programa de Aquisição de Alimentos tem como objetivo incentivar a produção local com base na agricultura familiar por meio da aquisição e destinação de alimentos para atender às necessidades da suplementação alimentar das pessoas que se encontram em risco de vulnerabilidade social e/ou em estado de insegurança alimentar e nutricional, cadastradas nos municípios que se integraram à iniciativa.

A compra ocorre por meio do Governo do Amazonas, com recurso destinado pelo Governo Federal, através do Ministério da Cidadania, que neste orçamento, PAA 2020/2021, recebeu na ordem de R$ 13,4 milhões, para a aquisição de 5,6 mil toneladas de produtos da agricultura familiar, para atender 162 mil pessoas, inseridas dentro de 147 entidades socioassistenciais do estado.

O orçamento disponibilizado pelo Ministério da Cidadania é o dobro do repassado ao Estado do Amazonas no biênio anterior (2019/2020) e o maior da região Norte.

FOTOS: Divulgação/Sepror