Confira como os aprendizados de um ano marcado pelo distanciamento social podem impactar na rotina fitness do ano que vem.

Assim como em diversos segmentos, o ano de 2020 foi marcado por incertezas e uma necessidade primordial de readaptação no universo fitness. Com a pandemia, as dinâmicas dos ambientes de treinos mudaram completamente e muitos profissionais da área tiveram que se adaptar aos protocolos sanitários.

Como esperado, temas em torno da saúde foram os mais importantes este ano. De acordo com uma pesquisa realizada pela empresa de gestão para academias Tecnofit, no último mês de julho, 72% dos respondentes elencaram como prioridade cuidados com limpeza e higienização geral nas academias.

Segundo Thais Yeleni, presidente do Sindicato das Academias do Distrito Federal, o que se espera para 2021 é um aumento dos frequentadores dos espaços esportivos. “As pessoas entenderam a importância da atividade física para o equilíbrio físico e mental, e a academia é o espaço para isso”, diz.

Henrique Pereira, co-fundador da rede de academias Evolve, acrescenta: “Mais que um espaço para promover atividade física, a academia é também um local de convivência e de saúde mental”. De forma geral, os especialistas acreditam que o mercado, um dos mais afetados pelo distanciamento social, sairá fortalecido.

Entre as tendências, se destacam o uso das tecnologias e a aproximação entre frequentadores e profissionais para montar rotinas personalizadas.

Confira o que vai bombar em 2021 quando o assunto é vida fitness.

Aplicativos para gestão de aulas e alunos

Embora não tenha surgido na pandemia, a tecnologia foi primordial para garantir as atividades físicas em um ano marcado pelo distanciamento. Além de oferecer fichas de exercícios e aulas gravadas, a partir do app é possível acessar avaliações físicas, fazer reservas para aulas, realizar pagamentos, ver histórico financeiro e também ter acesso às notícias de sua unidade. Do outro lado, a academia possui todo o controle de gestão desse aluno de forma rápida e eficiente.

Aulas on-line

Com as academias fechadas, muita gente teve que se virar em casa. Para 2021, é possível que as atividades virtuais, com acompanhamento de um profissional qualificado, venham para ficar. Além dos benefícios físicos, as aulas em grupo incentivam a convivência e a sociabilidade, assim como os colegas dão uma “forcinha” uns aos outros. Com auxílio da internet, espera-se que 2021 continue a revelar a importância do convívio em conjunto, mesmo que pela tela do computador.

Novas demandas

Após a instituição do home office, muitas pessoas repararam um aumento de dores nas costas e na coluna, pela falta dos aparatos corretos para o trabalho remoto. Exercícios que prezam pelo equilíbrio, saúde, postura e força serão muito procurados com o intuito de melhorar e atender às novas demandas que estão surgindo.

Exercícios ao ar livre

Durante a pandemia, uma das alternativas mais seguras para quem quer manter o condicionamento físico é a prática de exercícios ao ar livre. Entre corridas, caminhadas e rotinas com o acompanhamento de um profissional, diversas opções prometem agradar a todos os gostos e garantir conexão com o ambiente externo e a natureza.

Fonte: Metrópoles