O Governo do Amazonas, por meio do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam), em parceria com a Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam), realizou ação de atendimento aos produtores rurais do município de Autazes (a 113 quilômetros de Manaus). A ação, ocorrida na sexta-feira (06/08), atendeu 108 agricultores familiares e envolveu um investimento de mais de R$ 1,2 milhão em crédito rural, na forma de máquinas, implementos e custeio para pesca artesanal e agricultura familiar.

“Na ocasião, foram entregues 37 Cartões do Produtor Primário e 41 projetos para crédito rural para a pesca artesanal e cultivo de mandioca e frutas diversas, no valor de R$ 710.844,65. Também foi realizada a assinatura de mais 30 novos contratos envolvendo pescadores artesanais, agricultores familiares e indígenas, com um valor aproximado de R$ 516 mil”, informou o técnico em agropecuária e gerente da unidade local do Idam em Autazes, Josinei Lima.

Ainda segundo Josinei, os projetos para crédito rural beneficiaram os produtores com canoas de alumínio, motores rabeta e de popa, geradores elétricos, freezer, caixas de isopor e apetrechos de pesca.

A ação atendeu produtores das comunidades Lago do Sampaio, Miguel, Vila Real, Rosa de Saron, Cajuçara, Pontas Pedras, Marechal Rondon, Josefa e da área indígena de São José, e contou com a participação do diretor de Assistência Técnica e Extensão Rural do Idam, Tomás Sanches, representando o Instituto e o Governo do Estado. A iniciativa foi realizada em parceria com a prefeitura de Autazes, por meio da Secretaria de Produção.

Investimentos no setor primário – Apenas no primeiro semestre deste ano, o Governo do Amazonas, por meio da parceria entre Idam e Afeam, já investiu mais de R$ 9 milhões em financiamento para o setor primário, considerado pelo governador Wilson Lima como prioritário para o seu governo.

Entre as atividades que mais receberam investimentos durante o período, os agricultores familiares e pescadores artesanais foram os que mais tiveram aprovações e contratos de projetos neste primeiro semestre, com mais de 1,2 mil projetos elaborados e 500 contratados por meio das linhas de crédito da Afeam.

FOTOS: Divulgação/Idam