O caos na saúde pública do Amazonas por causa do coronavírus levou o deputado federal Delegado Pablo (PSL) solicitar ao Ministério da Saúde e à prefeitura de Manaus a liberação de mais vacinas e a realização de uma vacinação em massa na capital e interior do Estado.

O deputado solicitou também que pessoas com necessidades especiais (PNEs), como autistas, pessoas com Síndrome de Down, paralisia cerebral ou com dificuldades de locomoção, sejam incluídas na lista de prioridades na vacinação.

No discurso no plenário da Câmara dos Deputados, Pablo disse que Manaus vive uma situação caótica e que todos parlamentares devem tomar conhecimento do sofrimento vivido pelo povo amazonense.

“Precisamos de vacinação em massa no Amazonas e que sejam respeitadas as prioridades”, afirmou Pablo. “As pessoas estão morrendo, por isso precisamos acelerar a imunização, atingindo o maior número de pessoas, o mais rápido possível”, alertou o deputado.

A inclusão de pessoas com necessidades especiais na lista de prioridade foi defendida por Pablo em documentos entregues ao Ministério da Saúde e à Prefeitura de Manaus. A proposta ganha cada vez mais apoio no Congresso Nacional.