A Pfizer sugere aplicação com dose reduzida para a faixa etária. A Anvisa tem o prazo de 30 dias para avaliar o pedido.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recebeu, nesta sexta-feira (12/11), pedido da Pfizer para estender o uso emergencial da vacina contra Covid-19 destinada às crianças de 5 a 11 anos. A agência tem 30 dias para analisar o pedido.

A empresa norte-americana sugere que as crianças desta faixa etária recebam doses com o equivalente a um terço do aplicado na população com 12 anos ou mais. Os testes clínicos com mais de 2 mil crianças mostraram que a dosagem é segura e eficaz no combate ao novo coronavírus.

De acordo com a Anvisa, a proposta é ter frascos diferenciados por cor, com dosagem específica para cada um dos dois grupos, as crianças e os maiores de 12 anos.

“A análise técnica feita pela Anvisa será feita de forma rigorosa e com toda a cautela necessária para a inclusão deste público específico”, informou a agência em comunicado.

Fonte: Metrópoles