Antes da chapinha e junto à máscara de hidratação são algumas das formas de potencializar o uso do produto.

Os óleos capilares são aqueles produtos indispensáveis na rotina para deixar os fios mais bonitos e saudáveis. Além de deixar o cabelo com mais brilho, eles são essenciais para a proteção da haste capilar – fio que fica para fora do couro cabeludo -, que pode ser prejudicada e fragilizada por fatores externos, como a poluição do ar.
A tricologista e dermatologista Renata Vasconcellos explica como os óleos agem para proteger as madeixas. “Eles formam como se fosse um filme ao redor da haste capilar, fazendo com que o fio se proteja de altas temperaturas, do vento, da oleosidade, poluição e sujeiras em geral e também da própria perda de água interna”, conta.

Mas não é só isso, não. Eles também ajudam a diminuir o frizz, alinhar os fios, melhorar a elasticidade e proporcionar maciez ao cabelo. “Os óleos são fortes aliados para beleza e saúde capilar porque contam com propriedades nutritivas que ajudam na hidratação e restauração dos fios, deixando a superfície alinhada com aspecto macio e de brilho”, ressalta.
Agora que você já sabe as principais funções dos óleos, vem conferir algumas maneiras de como incluir na rotina!

1- Antes das ferramentas de calor

Existem óleos específicos para passar nos fios antes de usar secador, chapinha ou babyliss. Eles agem como protetores térmicos, impedindo que a haste capilar perca nutrientes diante de altas temperaturas.

2 – Na máscara capilar ou condicionador

Quando aplicado na máscara e condicionador, o óleo funciona como enriquecedor e um ativo mais nutritivo para esses produtos. Assim, potencializa a hidratação e o brilho.

3 – Umectação uma vez por semana

Usar óleos nos fios traz muitos benefícios: nutre profundamente, limpa e protege das impurezas e substâncias tóxicas presentes em produtos e no ar. É recomendado fazer a umectação após a lavagem e, no máximo, uma vez por semana, pois é o suficiente para manter a nutrição.

Fonte: Todateen