O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) volta a alertar a população sobre os golpes envolvendo o leilão do órgão, que vai ocorrer no período de quarta-feira (28/10) até sábado (31/10). Criminosos estão criando sites falsos com layout parecido com o dos leiloeiros oficiais e, ainda, negociando lances por meio do WhatsApp.

Esses sites fraudulentos, em geral, usam domínio “.org” ou “.net” e não permitem que os interessados façam a visitação presencial dos veículos que irão a leilão.

O atual leilão do Detran-AM será realizado pela empresa Leilões do Norte, cujo site oficial é www.leiloesdonorte.com.br. Pelo endereço, os interessados agendam a visitação, que se encerra nesta terça-feira (27/10).

“É importante que as pessoas peçam para ver o veículo. Caso não haja possibilidade, já desconfie de ser um golpe. Os golpistas negociam por meio de conversas e fotos em redes sociais, e acabam enganando muitas pessoas vítimas”, explicou Gleice Barros, coordenadora da comissão de leilões do Detran-AM.

Golpes recorrentes – Sempre que o Detran-AM anuncia um leilão, os golpistas entram em ação para tentar enganar as pessoas. Eles criam sites com a mesma aparência dos oficiais e, no número disponibilizado para contato, geralmente passam a conversar com os interessados, apresentando vantagens e ludibriando as essas pessoas.

Como não se trata do leilão oficial, os golpistas nunca irão permitir a visitação presencial dos veículos colocados a leilão. Eles geralmente querem enviar imagens para as vítimas. Por isso é importante que as pessoas interessadas visitem o local do certame.

Em caso de dúvidas, basta ligar para o setor de leilões do Detran-AM, no telefone (92) 3643-0034, ou ainda consultar o site do órgão (www.detran.am.gov.br) ou as redes sociais para ver se foram veiculadas notícias ou mesmo se foi publicado o edital do certame.

WhatsApp – Além de sites falsos, muitas pessoas acabam caindo no golpe do leilão por meio de aplicativo de mensagens instantâneas. “O Detran-AM não negocia veículos ou serviços por meio de Whatsapp”, reforçou Gleice Barros.

Os golpistas também se utilizam de perfis falsos nas redes sociais, como Facebook, para negociar supostos veículos que irão a leilão. Os criminosos já chegaram até a criar perfis falsos do diretor-presidente do Detran-AM, Rodrigo de Sá Barbosa, para enganar as pessoas.

Todos esses casos que chegam ao órgão são encaminhados a Polícia Civil para investigar a origem dos golpes.

FOTOS: Divulgação/Detran-AM