A proteína é fundamental para a saúde da pele e dos cabelos e pode ser suplementada, caso o corpo não esteja produzindo o necessário.

O colágeno é produzido naturalmente pelo corpo, mas alguns produtos também contém a substância e prometem mais elasticidade à pele.

O colágeno é uma proteína que dá estrutura, firmeza e elasticidade à pele. Ele é produzido naturalmente pelo corpo, mas também pode ser encontrado em alimentos como carne e gelatina ou suplementos alimentares.

É uma proteína muito importante para manter as células firmes e unidas, prevenindo o aparecimento de estrias, rugas e linhas de expressão. Também colabora para a saúde dos cabelos e a conservação de tecidos como músculos, ligamentos e tendões.

Quando é necessário suplementar
O uso de colágeno é indicado quando começam a surgir sinais indicativos de que a concentração da proteína no organismo está caindo, o que pode ser observado com mais frequência a partir dos 50 anos.

Alguns sinais de que a produção de colágeno está menor são:

Diminuição da espessura dos fios de cabelo;

Aumento da flacidez e perda de elasticidade da pele;

Surgimento de rugas e de linhas de expressão;

Aparecimento de estrias;

Pele fina e desidratada;

Diminuição da densidade dos ossos, como nos casos de osteopenia e osteoporose;

Enfraquecimento das articulações e dos ligamentos.

Na presença de sinais indicativos de pouca concentração de colágeno no corpo, é importante consultar o médico para que seja feita uma avaliação completa e possa ser indicado o uso de suplemento, caso haja necessidade.

Como repor o colágeno
Para repor o colágeno, é importante aumentar o consumo de alimentos que são fontes naturais da proteína. É indicado aumentar o consumo de carnes vermelhas, carnes brancas e de gelatina, por exemplo.

Também é interessante acrescentar à alimentação do dia a dia alimentos ricos em vitamina C – laranja, kiwi, abacaxi ou mamão, por exemplo -, pois eles ajudam a melhorar a absorção do colágeno no corpo.

Suplementos de colágeno
Os suplementos de colágeno podem ser tomados na forma de cápsulas, comprimidos ou pó, que deve ser diluído em água e consumido juntamente com o suco de limão, por exemplo. A suplementação, entretanto, deve ser recomendada pelo médico ou nutricionista.

Estes suplementos, podem ser comprados em drogarias, lojas de produtos naturais, farmácias de manipulação ou lojas on-line. Além disso, o tratamento com estes suplemento deve se prolongar durante um mínimo de 9 meses, sendo recomendada uma dose máxima diária de 9 g de colágeno.

Fonte: Metrópoles