Segundo o ministro, ‘as pessoas não querem esse grupo do PT de volta ao comando do país’.

O ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, afirmou em entrevista ao jornal O Globo que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) perderá as eleições deste ano.
Na avaliação dele, o líder petista será derrotado pelo próprio PT, uma vez que existem figuras na sigla que prejudicariam a imagem eleitoral.
“O Lula que eu conheço e que as pessoas vão conhecer na campanha é o Lula da Gleisi [Hoffmann], do Zé Dirceu, do [João] Vaccari. Esse é o Lula que tem muito mais identificação com Maduro do que com Macron. Acho que a arrogância do PT está sendo importante para que as pessoas aprendam a identificar e separar”, declarou.
“As pessoas não querem esse grupo do PT de volta ao comando do país. Acompanho pesquisas qualitativas. Quando se coloca o Lula ao lado dessas pessoas, a rejeição é total. Isso vai fazer com que o PT acabe derrotando o Lula”, acrescentou.

Ciro Nogueira, que foi aliado de Lula da Silva por muitos anos, agora diz rejeitar união com o PT, mesmo em caso de uma vitória esquerdista no pleito de outubro. Questionado sobre a possibilidade de se reaproximar do lulopetismo, o ministro negou.
“Ele [Lula] não vai ganhar. Não me vejo mais ao lado do Partido dos Trabalhadores. Temos hoje um enfrentamento no meu estado [Piauí, governado pelo petista Wellington Dias] irreversível”, respondeu.
Ao analisar as chances de o presidente Jair Bolsonaro (PL) ser reeleito, Ciro ressaltou acreditar em um resultado positivo.
“Ele vai ganhar. O país nunca deixou de reeleger um presidente. Quem reelege o presidente é a economia, e a vida das pessoas vai melhorar. Temos pesquisas que mostram que, se a inflação for reduzida e o emprego voltar a crescer, quase 40% das pessoas que hoje não votam no presidente, podem vir a votar”, analisou.

Fonte: Conexão Política