Segundo o deputado, a ordem de serviço será assinada nos próximos dias pelo Ministério da Insfraestrutura

Após finalmente receber a licença ambiental para executar a recuperação do “trecho do meio” da BR-319, a estrada aguarda apenas a assinatura da ordem de serviço (OS) para iniciar pavimentação da rodovia.

A notícia foi divulgada nesta terça-feira (18) pelo deputado federal Delegado Pablo, que desde o início do mandado, em 2018, luta pela recuperação da estrada.

Segundo o deputado, a ordem de serviço será assinada nos próximos dias pelo Ministério da Insfraestrutura, permitindo que as obras sejam executadas. “Há décadas esperamos a liberação da licença ambiental, que sempre era barrada pelos inimigos da BR-319”, lembra Pablo. “Agora, com a licença em mãos, a estrada finalmente será recuperada”, acrescentou.

A parte mais crítica da rodovia, entre os quilômetros 250 e 655, conhecida como “trecho do meio”, será totalmente pavimentada. O local é famoso pelos atoleiros, buracos, pontes quebradas e falta de sinalização que já causaram centenas de acidentes.

“O trecho do meio é o pesadelo de todo motorista”, explica Pablo. “Há mais de 20 anos esse trecho não recebe qualquer manutenção, por isso ficou em total abandono”, lembra o deputado.

Na semana passada, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) homologou a contratação da empresa que venceu a licitação para cuidar de vários trechos da rodovia.

A vencedora foi a LCM Construção e Comércio, que ficou responsável pelas obras de pavimentação e recuperação de três partes da estrada, consideradas as mais críticas.

Pelo serviço, a construtora vai receber R$ 279 milhões.

Deputado Pablo ressalta que conversou com o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, sobre os planos para tornar a BR-319 novamente trafegável e segura. “O ministro me garantiu que a BR-319 é uma das prioridades dentro do ministério”, concluiu Pablo.