A Prefeitura de Manaus iniciou nesta quarta-feira, 16/6, obras de infraestrutura em vias dos bairros Coroado I, II e III, conjuntos Acariquara e Tiradentes, localizados na zona Leste da capital. Mais de dez ruas estão na programação para receber serviços preventivos, realizados pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf).

Uma equipe com 20 servidores da Seminf está à frente dos serviços iniciados na rua Orquídea, conjunto Tiradentes, onde mais de quatro metros de novas tubulações em concreto estão sendo trocadas em virtude de um rompimento que estava provocando uma erosão no local, ameaçando as casas dos moradores.

Para a engenheira Márcia Pantoja, responsável pelo distrito de obras da área, as equipes têm se empenhado para realizar trabalhos preventivos, para evitar maiores transtornos à população, e equacionando antigos problemas na região.

“As tubulações muito antigas provocam esses problemas, que exigem uma ação imediata. Devido a isso, conforme determinação do prefeito David Almeida e coordenação do vice-prefeito Marcos Rotta, estamos intensificando os trabalhos preventivos e realizando obras de qualidade com efeito duradouro, mesmo com o desgaste natural do tempo“, enfatizou Márcia.

Simultaneamente, outra equipe trabalha em mais uma rede drenagem profunda na rua Mascarenhas de Moraes, no Coroado II, onde a tubulação foi rompida no meio da rua, comprometendo  o fluxo da via. O local irá receber mais de 10 metros de novas tubulações em concreto, equipamento que comportará a vazão correta de águas.

Com fluxo intenso de veículos, a rua Central do bairro Coroado I, importante via da comunidade, está recebendo operação tapa-buracos, além das ruas Guariubas e União que, também, recebem mais de 40 toneladas de massa asfáltica.

As equipes do distrito de obras, além dos serviços nas redes de drenagens profundas e superficiais, atuam nas obras de tapa-buracos, pavimentação asfáltica, entre outros serviços básicos necessários para melhorar a infraestrutura da cidade.

Texto – Valesca Martins / Seminf
Foto – Márcio Melo / Seminf