Vistorias às fábricas na Rússia aconteceriam entre os dias 15 e 23 de abril. Ainda não há nova data para a viagem.

A visita de funcionários da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a duas fábricas responsáveis pela produção da vacina russa contra Covid-19 Sputnik V será adiada. A agência reguladora havia anunciado que enviaria os representantes à Rússia para inspecionar as empresas no último sábado (10/4), porém, de acordo com um comunicado divulgado pelo órgão regulador, a viagem foi transferida a pedido do Fundo Soberano Russo.

A primeira visita à empresa JSC Generium, responsável pela produção do Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) e pela vacina finalizada, estava programada para os dias 15 a 21 de abril. Outra inspeção aconteceria de 19 a 23 de abril na empresa UfaVITA, responsável pelas etapas finais de envase e embalagem dos imunizantes.

Inicialmente, três servidores da Anvisa fariam a primeira inspeção e outros dois realizariam a visita à segunda fábrica, devido à coincidência de datas e da distância entre os dois estabelecimentos, que estão a duas horas de voo um do outro. “Com esse realinhamento, as duas equipes de especialistas da Anvisa sairão do Brasil juntas e as inspeções ocorrerão concomitantemente”, afirmou o documento.

O objetivo da Anvisa é avaliar processos de trabalho, estruturas físicas de produção e armazenamento, laboratórios de controle de qualidade e documentação. A agência informou que a nova data da viagem será confirmada após a emissão das passagens.

Fonte: Metrópoles