Já chegaram ao Brasil as 1 milhão de doses da vacina Pfizer. Os imunizantes desembarcaram ontem (29-abr) à noite no aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP).

Do total de 1 milhão de doses desta primeira remessa, o Amazonas deve receber apenas 20 mil doses. A divisão entre os Estados será feita pelo Ministério da Saúde e vai obedecer o critério de proporcionalidade da população.

O imunizante será entregue aos 26 estados e ao Distrito Federal. Segundo o Ministério da Saúde, a orientação é que sejam priorizadas as capitais devido às condições de armazenamento da vacina, que exige temperaturas muito baixas.

Os frascos serão entregues em temperaturas entre -25ºC e -15ºC, cuja conservação pode ser feita apenas durante 14 dias. Após sair desta temperatura e sendo levadas para refrigeradores comuns, com temperaturas entre 2ºC e 8ºC, o prazo para aplicação é de cinco dias.

Por essa razão, o ministério informou que enviará duas remessas diferentes. Cada uma delas terá 500 mil doses e será referente, respectivamente, à primeira e segunda doses que cada cidadão deverá receber.

O Ministério da Saúde comprou 100 milhões de doses do imunizante. Em março, em reunião com a farmacêutica, a pasta apresentou a previsão de que até junho sejam entregues 13,5 milhões.

O governo ainda não disse quando as vacinas chegam aos Estados, porém a distribuição deve acontecer na próxima semana.