O Prefeito Municipal de Coari, Adail Filho, iniciou nesta terça-feira, 26, a entrega de mudas frutíferas e florestais e de alevinos de tambaqui e pirarucu para produtores e piscicultores locais. O incentivo está previsto no Plano Estratégico de Desenvolvimento do Setor Primário do Município, que foi anunciado em agosto de 2019, com a presença do Governador do Amazonas, Wilson Lima, e efetivado em fevereiro deste ano durante a Semana Agroambiental. O evento aconteceu no ginásio Natanael Brasil, seguindo todas as normas de segurança de prevenção ao novo coronavírus, e contou com a presença de diversas autoridades.

De acordo com Adail Filho, em razão da pandemia de Covid-19, a distribuição das mudas e alevinos será feita em duas etapas. Na primeira, que acontecerá ao longo desta semana, serão doadas mais de 100 mil mudas de Andiroba, Café, Castanha do Brasil, Cacau, Pupunha, Açaí Precatório, Açaí BRS Pará e Açaí Pai D’Égua, o representa apenas 40% do total produzido. Também vão ser entregues mais de 200 mil alevinos de tambaqui, além de alevinos de pirarucu.

Para o prefeito, é um motivo de muita alegria e satisfação, mesmo diante de circunstâncias tão difíceis provocadas pelo novo coronavírus, poder colocar em prática tudo o que foi planejado pelo seu governo. “Ainda em 2016 tínhamos essa ideia de priorizar e ajudar a desenvolver o setor primário do Município de Coari, que sempre andou com as próprias pernas, nunca teve um incentivo por parte do poder público. Isso agora mudou porque nós acreditamos que o setor primário é a alternativa socioeconômica para o futuro próximo do município”, afirmou.

O secretário executivo de Agroeconomia e Produção de Coari, Jacksoney Lima, reiterou que está sendo doada aos produtores tecnologia de ponta no que diz respeito a material genético de qualidade na produção, como o último lançamento da Embrapa, o Açaí Pai D’Égua, que é altamente produtivo; o Cacau Hibrido, que tem alta produtividade de resistência a doenças e o Café Clonal, que é atualmente o mais produzido no território brasileiro. Além disso, pela primeira vez no Brasil, serão distribuídos gratuitamente à piscicultores alevinos de pirarucu, que é um alevino caro e difícil de ser encontrado.

“Isso traz segurança na hora de produzir e o mais importante de tudo está trazendo renda para as nossas famílias da zona rural do Município de Coari”, apontou Lima. Cada produtor deve receber entre 625 e 1875 mudas de plantas frutíferas e florestais. Os piscicultores, por sua vez, ganharão em torno de 100 alevinos de tambaqui e 100 alevinos de pirarucu.

Para a presidente da Associação de Piscicultores e Produtores Rurais de Coari, Geralda Mendes, o incentivo dado pelo prefeito, por meio do Plano Estratégico de Desenvolvimento do Setor Primário, sem sombra de dúvidas vai fortalecer ainda mais o setor produtivo local. “É muito positivo e encantador tudo isso. Nós nunca tínhamos recebido um incentivo tão grande como esse. Só temos a agradecer”, disse.

O Plano Estratégico de Desenvolvimento do Setor Primário de Coari prevê, por meio de um planejamento e acompanhamento técnico, a doação de mais de 200 mil mudas de Açaí Precatória, Açaí BRS Pará, Açaí BRS Pai D’Égua, Cacau, Andiroba, Castanha-da-Amazônia, Café, Pupunha, além de incentivo aos piscicultores, com doação de 400 mil alevinos de tambaqui, 5 mil alevinos de pirarucu, entre outras ações.