O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Josué Neto (PRTB) afirmou nesta terça-feira (20), que o acordo entre o Banco de Exportação e Importação dos Estados Unidos (EximBank) e o Governo Federal para investimentos de até US$ 1 bilhão (R$ 5,6 bilhões) no Brasil contempla Gás Natural, Mineração e Infraestrutura, todas pautas do atual Governo Bolsonaro voltadas para a Amazônia e outros Estados da Região Norte.

De acordo com Josué, na questão da infraestrutura, tal investimento poderá ser implementado nas obras da Rodovia BR-319, que liga Manaus a Porto Velho, e também na Estrada que liga Boa Vista a Georgetown, criando uma nova rota econômica que vai beneficiar os Estados de Roraima, Amazonas e Rondônia.

Ainda conforme o parlamentar, em relação ao gás natural o Estado tem 16 blocos aptos para exploração de multinacionais e empresas nacionais, no entanto, ainda depende que o Governo do Amazonas envie uma nova lei para a Assembleia Legislativa votar e abrir o Mercado de Gás Natural no Estado.

Mineração

Na mineração, o nióbio no Alto Rio Negro, potássio na região do Madeira e Médio Amazonas também estão nos planos do Governo Bolsonaro, principalmente, com o Programa Mineração e Desenvolvimento (PMD) que foi lançado no fim do mês passado pelo Ministério das Minas e Energia.

“O Governo está dando todas as oportunidades para o Amazonas se desenvolver, cabe ao Governo do Estado não desperdiçar essa oportunidade. O Executivo precisa fazer o dever de casa. Deixar o espírito público ser maior que as pessoalidades e pensar no desenvolvimento da nossa economia, pensar no pai e na mãe de família que querem trabalhar de forma honesta”, afirmou.