Cliente morreu após ser espancado no estacionamento do hipermercado na noite do dia 19 de novembro.

Uma frase registrada em uma das gravações das agressões sofridas por João Alberto Silveira Freitas no Carrefour do Passo D’Areia, em Porto Alegre, indica que seguranças do local e a vítima pudessem ter desentendimentos anteriores. Enquanto Freitas respira com dificuldade e pede ajuda, um dos homens vestidos de preto, com roupa semelhante à dos dois seguranças que seguram a vítima no chão, diz: “Sem cena, tá? A gente te avisou da outra vez”.

A Polícia Civil investiga se houve fatos anteriores que possam explicar o motivo da violência que levou à morte de Freitas na noite da quinta-feira (19).